segunda-feira, 26 de outubro de 2009

De uns tempos pra cá...

De uns tempos pra cá tenho me observado muito. Tenho me policiado mais para não cometer os mesmo erros que já me fizeram sofrer tanto. Confesso que tem sido um passa-tempo muito divertido e recomendo a todos que não tem medo de descobrir seu verdadeiro eu. De uns tempos pra cá tenho notado detalhes gigantescos que antes passavam despercebidos e hoje lamento esse meu ato falho. Percebi que eu me sinto sozinha muito freqüentemente, mesmo estando sorrindo e rodeada de amigos, ainda assim eu me sinto sozinha. Parece que falta algo, fica sempre um vazio que nada é capaz de preencher, ainda não sei o que falta, mas um dia eu descubro. Descobri que ando muito pessimista quando sei que as coisas estão para acontecer, e me justifico dizendo que é uma forma de me preparar para o pior. Pura balela. Na verdade é medo. Agora eu sei que sempre penso nos outros, tanto para ajudá-los quanto para saber o que eles vão pensar de tal atitude minha, tenho precisado da aprovação de não sei quem, nem de onde vem. Aprendi que realmente, o melhor da festa é esperar por ela e que geralmente o outro dia é muito triste. Notei que geralmente falo de mais, que tenho ciúmes e sou sensível ao extremo. Percebi que não levo desaforo para casa, sou do tipo que falou-levou e se bobear eu mando longe. É, eu fico meio mal educada quando to brava/irritada, por isso tenho me vigiado mais. Percebi que to apaixonada. Novidade? Descobri que to envolvida nesse ‘romance’ até o último fio de cabelo e que a maior causa da minha ansiedade/felicidade e até algumas lágrimas é ele. Sim, eu não quero sofrer, mas agora é tarde pra dizer adeus. Sei que sou louca, mas tenho medo de ser feliz, tenho medo de tanta coisa, talvez porque dentro de mim existe uma menina que não quer crescer e ter seus sonhos devorados por necessidades do mundo.


#Me deixe sonhar e me abrace se for um pesadelo!


Beeijos da Fran =*



19 comentários:

  1. oie flor, primeira vez aqui no seu blog
    e gostei bastante..
    sobre o post
    então, esse medo smepre existe, essas questões empre vme atona, mas sabe como vc ta se policiando a melhor maneira eh deixar aocntecer, valorize esse seu romance, viva cada momento sem medo, esqueça o medo, ele nos prende, siga em frente tudo dará certo no final

    beijos

    ResponderExcluir
  2. Adorei o desabafo Fran!
    E que lindo, eu estava em duvida se vcs ja se conheciam ou ainda nao no real. E eu me identifico com sua historia, amar a distancia é foda demais.. mas esse coração teimoso fala mais alto!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. ...Sei que sou louca, mas tenho medo de ser feliz...

    Um dia, escrevi algo paracedi, num texto também de autoanalise...Eu tenho pavor de ser feliz...Toda vez que me vejo alegre, procuro um motivo pra embirrar, pra machucar o coraçao de novo...o.O

    Não ache que és louca...é normal sentir medo...

    rsrsrrsr
    beijo

    ResponderExcluir
  4. COMETER ERROS É COMIGO MESMO. ROMANCE TEM DESSAS COISAS, VÁ COM CALMA E TUDO DARA CERTO,OK?
    BJUSS

    ResponderExcluir
  5. Duas coisas em comum:
    Sentir-se só mesmo estando ao redor dde várias pessoas
    2. Envolvida nesse romance até o ultimo fio de cabelo...
    Felicidade pra nós...
    bjooo

    ResponderExcluir
  6. Nossa , aorei seu desabafo!
    kkkkkk
    muito bom
    beijo

    ResponderExcluir
  7. OI Linda, se policiar é muito mais que um passatempo, é autopreservação, que a gente deveria ter sempre né mesmo?

    Beijão

    ResponderExcluir
  8. Fran,

    Muito lindo o seu texto... E quer saber, eu tb morro de medo.. porém, o medo é das outras pessoas.. acho que tenho evitado muitos deles por conta disto.. estou meio que cansada de falsidade e por isto me afastei tanto de tudo e todos...

    Agora, não é por nada não, mas.............. KD o texto contando tudo o que aconteceu no FDS?? Quer me matar de curiosidade?? Ande logo com isto viu..r.s.r.s

    ;)

    Bjos

    ResponderExcluir
  9. Oiii
    Tudo beem?
    Confesso q naum li o texto!
    Pke com os olhos cheio de larimas e com muuuita dor de cabeça de naum dormi de preocupação fica dificil ler algo!
    Mais depois que ler o texto do meu blog espero que vc entenda e prometo que quando as coisas ficarem melhor eu volto aqui,leio e comento com mais calma oK?
    Bjos!♥

    ResponderExcluir
  10. Oi flor
    Nossa que desabafo...
    Sabe esse medo de ser feliz existe para todos...mas acho que ele é um daqueles obstaculos que temos que pular na vida não?
    Talvez esse medo, va no futuro te causar mais dor do que esperas!!!

    Seja feliz!!

    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Também tenho me policiado muito ultimamente. Estou naquela fase de 'tentando parar' com várias coisas, exceto os vícios que a sociedade considera realmente pois esses eu não tenho.

    ResponderExcluir
  12. "Parece que falta algo, fica sempre um vazio que nada é capaz de preencher, ainda não sei o que falta, mas um dia eu descubro" Ja escrevi sobre isso, Me IDENTIFIQUEI com o texto do começo ao fim, poderia eu ter escrito tudo isso, de verdade, *-* parece que o que acontece com você acontece comigo x) haha

    ResponderExcluir
  13. Me identifiquei!
    Vá com calma que tu da certo!

    beijos Fraan ;*

    ResponderExcluir
  14. Nunca tinha vindo aqui, menina!
    to seguindo =]
    Beijao, Kakau Moreno.

    ResponderExcluir
  15. Ai Fran, quer um conselho? Para de se culpar porque está viva! Vai ser feliz amiga! Amar é o que podemos fazer de melhor neste mundo tão cheio de desamor.

    Beijos na alma minha linda!
    Layla Barlavento
    http://culpadowalter.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Nossa que texto....sem plavras.
    Fran me sinto q nem vc.

    bjus, Te AdOluU

    ResponderExcluir
  17. Nem sempre sorrir é sinonimo de felicidade! beijos

    ResponderExcluir
  18. Como pode tuas palavras, falarem por mim tão alto assim? ;] Lindo texto moça, lindo!

    ResponderExcluir
  19. Ounnnnn!!! Nossa achei muito legal a sua autodescoberta. Nos permite o crescimento sempre. Lindo textoooo. Espero que não seja um pesadelo.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, espero que tenha gostado e volte sempre...